• Ornithos Escola



    bannerobsvirtual

    Câmera ao vivo mostra um alimentador para aves da Mata Atlântica

    LIVE CAM

  • Grupo no Face

    facelogo1

    Ornithos Escola no Facebook
  • Quem está Online

    2 visitantes online agora
    1 visitantes, 1 bots, 0 membros

» Tipos de Ninhos, Ovos e Filhotes

- Ninhos:

As aves utilizam seus ninhos para a postura dos ovos, incubação e cuidado com os filhotes. Na época da-reprodução é a casa e maternidade da ave.

Podemos encontrar ninhos de várias formas e tamanhos e construídos com diversos materiais. Citamos a seguir alguns tipos que podem ser encontrados.

Ninhos pouco elaborados

1. Ovos colocados no solo. Ex: quero-quero, inhambus, bacuraus.

ovosbacurauNinho de quero-quero (Vanellus chilensis) - foto de Adilson C. Constantini

2 Cavidades existentes em árvores. Ex papagaios, araras, arapaçús, pica-paus.

Maitaca-verde (Pionus maximiliani) - foto de Luciano BrevesPica-pau-rei (Campephilus robustus) - foto de Evandro A. Pereira

Ninhos bem elaborados:

3. Construídos com barro em forma de forno. Ex. João-de-barro.

João-de-barro (Furnarius rufus) construindo ninho - foto de Adilson C. Constantini

4. Construídos com gravetos, apoiados ou pendurados. Ex:. pombas, sabiás e a maioria dos passarinhos.

5. Construídos com fios, teias e musgos em forma de tigela. Ex.: beija-flor, balança-rabo-de-máscara.

Beija-flor-preto (Florisuga fusca) no ninho com filhotesNinho de Beija-flor-rajado (Ramphodon naevius) - foto de Adilson C. Constantini

No entanto existem aves que não constroem ninhos e colocam seus ovos diretamente sobre o solo nu (batuíras, talha-mar, aves de praia) ou sobre galhos e tronco de árvores (urutau).

ovosbacurauMãe-da-lua e filhote (Nyctibius griseus) - foto de Evandro A. Pereira

Nas fotos acima – Ovos de bacurau postos diretamente no solo (esquerda) e urutau (ou mãe-da-lua) com filhote, o ninho é a ponta de um tronco podre (direita).

Existem aquelas que aproveitam ninhos abandonados de outras aves, como é o caso de algumas andorinhas, tuim e canários-da-terra que podem reutilizar o ninho do joão-de-barro.

Tuim (Forpus xanthopterygius) reutilizando ninho de joão-de-barro (Furnarius rufus)

Outras são consideradas parasitas, pois colocam seus ovos em ninhos de outras aves ainda em fase de choco para que seus filhotes sejam criados por elas. Ex: chopim ou pássaro-preto.

Um  caso interessante é o do pinguim-imperador, onde o macho assume a incubação e devido ao solo congelado, o único ovo permanece todo o tempo sobre os pés da ave, em contato com o  ventre, que fornece o calor necessário para a incubação.

- Ovos:

Os ovos também podem variar na forma, no tamanho e na coloração.

Quanto à forma, podem existir ovos esféricos, cônicos ou ovais.

O tamanho varia de acordo com o tamanho da ave e a coloração pode ser uniforme (branco, azulado) ou com várias pintas e manchas.

A coloração é importante na camuflagem dos ovos, principalmente aqueles colocados diretamente no solo nu.

ovosdiversos

- Filhotes:

No que diz respeito ao tipo de dependência dos filhotes aos cuidados dos pais, eles podem ser separados em muito dependentes (Nidícolas) ou pouco dependentes (Nidífugos).

Os filhotes nidícolas nascem nus (sem penas), com os olhos fechados.

Permanecem por longos períodos no ninho e precisam constantemente dos cuidados dos pais. Ex: garças, pombas e a maioria dos passarinhos.

Fêmea de beija-flor-de-fronte-violeta (Thalurania glaucopis) alimentando filhote no ninho - nidícola

Os filhotes nidífugos apresentam um desenvolvimento bastante rápido. Já nascem cobertos de plumas, com os olhos abertos e com três ou quatro dias de vida já abandonam o ninho, mas ainda continuam sendo alimentados pelos pais. Ex: marrecas, aves migratórias.

Casal de aracuã (Ortalis guttata) com filhote - nidífugo

Guia do Observador de Aves:

Counters

Fatbirder's Top 1000 Birding Websites